Roteiros

BUENOS AIRES

Buenos Aires é a viagem mais fácil que um brasileiro pode fazer ao exterior. (Atualmente, é a mais barata também).

Por isso Buenos Aires costuma ser a primeira viagem internacional de quem mora no Brasil. Mas é também um dos destinos favoritos de muitos viajantes experientes, que voltam sempre que aparece uma oportunidade.

Alguns bairros da cidade tem cara de vila de interior, como Villa Crespo e Palermo. Você também encontra muita história nas ruas do Centro, San Telmo e Caminito. Além de ter a opção de se hospedar em luxuosos hotéis nas áreas mais sofisticadas da cidade como na Recoleta e Puerto Madero.

Buenos Aires se revela com traços únicos em cada época do ano. No Verão, as mesinhas invadem as calçadas das ruas. O pôr do sol celebra o Outono na cidade.

Para aquecer o Inverno, aprecie uma degustação de vinho. Durante a estação, Buenos Aires encanta com as lindas roseiras que se espalham pelas ruas e parques.

Quando ir a Buenos Aires

Não há regra geral, sempre é tempo de visitar Buenos Aires. Decidir a época da viagem é escolher a maneira como encontrará a capital, mais quente ou mais gelada. Com estações bem definidas, uma boa ideia é ir à cidade na primavera ou no outono, temporadas de transição, sem calor ou frio extremo.

Nos meses de alta temporada, como julho, agosto, a segunda quinzena de dezembro e janeiro, é recomendável fazer reserva nos hotéis com antecedência, afinal, a capital portenha é um dos grandes destaques turísticos da América do Sul e a cidade fica cheia de visitantes. Se não há como planejar o período da viagem, vá sem medo – cada estação oferece uma experiência diferente na cidade.

As chuvas são bem distribuídas durante todo o ano; o período mais frio, entre maio e setembro, é a época em que elas estão mais escassas. Quem viaja no inverno pode pegar bastante frio, por isso, prepare-se para médias de 12ºC e coloque na mala alguns agasalhos. As noites de inverno, principalmente, podem ser bem geladas, próximas de 0ºC.

No verão, ao contrário, abuse de roupas frescas, porque o calor na cidade pode ser forte – com temperaturas médias de 24ºC, que passam dos 30ºC, o calorão parece mais intenso devido à umidade. O mês mais quente em Buenos Aires é janeiro e o mês mais frio é junho.

O que fazer em Buenos Aires

Os turistas que viajam até Buenos Aires não se intimidam com as caminhadas e ganham as ruas para conhecer melhor aquela que é destaque na América do Sul. É aconselhável andar sempre com um calçado confortável, porque mesmo que o uso dos táxis e do metrô seja frequente, alguns lugares são conhecidos apenas se visitados a pé.

Quem não quer deixar para trás os pontos turísticos mais simbólicos, não pode deixar de ir ao Caminito, que, mesmo sendo chamado de “programa turistão”, atrai pessoas do mundo inteiro com suas casinhas coloridas e é ideal para comprar lembranças ou fazer aquela típica foto de viagem. Não deixe também de caminhar pela Plaza de Mayo, que fica no coração de Buenos Aires, e em frente à Catedral Metropolitana de Buenos Aires, onde o Papa Francisco fazia suas missas, da Casa Rosada, sede da presidência argentina que abre suas portas aos turistas através de visitas guiadas. Também no centro, vale dar uma esticada no Café Tortoni, uma cafeteria inaugurada em 1858, e na livraria El Ateneo, que antigamente era um teatro e conserva muito de sua estrutura antiga, tornando a loja ainda mais incrível!

Reserve um tempo para passear na Av. 9 de Julho, conhecer o Obelisco, a Av. Corrientes, cheia de espetáculos e shows, e visitar o Teatro Colón, um dos grandes símbolos de Buenos Aires. O teatro, que recebe principalmente óperas, tem uma arquitetura interior rica em detalhes que pode ser conhecida através de uma visita guiada ou em uma apresentação teatral. Para conhecer um pouco da parte mais nova da cidade, não deixe de visitar Puerto Madero, com seus edifícios novos e altos e visitar pontos de interesse da região como a Puente de la Mujer.

Quem prefere um programa ao ar livre pode ir à Floralis Generica, uma obra de metal em forma de flor cujas pétalas se fecham à noite, ou ir ao Jardim Japonês, que encanta pelo cuidado primoroso de seus jardins. Quem estiver com crianças deve incluir na programação um passeio pelo jardim zoológico da cidade, onde os pequenos podem interagir com alguns bichos, alimentando-os, inclusive. E se você não perde a oportunidade de fazer umas comprinhas, separe o domingo para visitar a Feira de San Telmo, onde encontra-se de tudo um pouco!

Depois que o sol se põe, a cidade não dorme, e esse é um dos grandes atrativos de Buenos Aires. Seja dia ou noite, sempre há o que fazer. A noite na capital começa tarde e, para quem quer conhecer melhor as tradições portenhas, apreciar um show de tango é inevitável. Até mesmo quem quer aprender a dançar tango encontra sua opção de entretenimento nas milongas, que abrem espaço para os moradores da cidade dançarem e para os iniciantes fazerem aula de dança. A Plaza Serrano e seus arredores são uma excelente pedida para quem quer ir a um bom bar e o espetáculo Fuerza Bruta é incrível para quem quer fazer algo interativo e diferente durante a noite.

Atendimento das 09:00 as 18:00